quinta-feira, 24 de maio de 2012

Pseudo-controle.



    Ei, garota, pare de controlar o mundo! Coloque seu pequeno globo sobre a mesa e deixe-o superar suas expectativas. Permita que esse planeta se distancie de suas mãos. Procure o teu mundo, procure se encontrar.
    A tua adorável omissão, tolera a compreensão do superficial, camuflando o profundo. Existe mais que somente terra e mar!
    Quem um dia nunca se emocionou descontroladamente? A essência da vida está te perseguindo e tu não sairás ilesa.
   Afinal, tua racionalidade cederá aos sentimentos devastadores.
   As fronteiras fixas do teu interior serão quebradas e se instalarão vestígios de amores indesejados. Permearão tua capa protetora e enfim, sentirás.
   Embora seja contra o teu querer, é algo inevitável. Um amor à flor da pele, do tipo avassalador. Forças serão esvaídas até sentir-se fisgada. 
   Entrarás em conflito. Ouvirás um duelo repetitivo entre os teus lados sensível e rigoroso. Escutarás ambos, dialogando em sua mente e perderás a razão.
  A fonte de tua frieza se dissipará e se deixarás levar pelo desconhecido.
  Arriscarás: trocarás o certo pelo duvidoso.
  O indeterminado a determinará!

6 comentários:

  1. Vi você no Girafas, outro que blog que eu tenho,
    mas que está parado há algum tempo.
    Enfim, adorei seu cantinho. Passarei por aqui mais vezes :]

    ResponderExcluir
  2. "O indeterminado a determinará!"
    Amei essa frase em especial. Gostei de todo o texto, claro, e da forma como você abordou o tema, mas acho que essa frase foi realmente tão impactante, tão bonita, tão cheia de significado (ao menos pra mim)... Ah, eu realmente gostei.
    Realmente, precisamos apenas viver e não tentar controlar tudo. Ser racional demais é irracional, afinal a racionalidade vem do desejo de explicar as coisas irracionais e se tudo provém da irracionalidade, dos sentimentos, dos instintos, então pra quê lutar contra tudo? Por que não apenas viver?
    Enfim, estou filosofando aqui e saí um pouco do tema do texto, mas é basicamente isso.

    Beijo!
    http://miasodre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. "Não controle, deixe q as coisas aconteçam ou aja e corra atras do q lhe faz feliz?" Um dos grandes dilemas q se tornou um lema em minha vida, teu texto me remeteu a ele, não sei mt bem o pq.

    ResponderExcluir
  4. Adorei o texto. Subjetivo e objetivo ao mesmo tempo, cheio de antíteses. Gostei muito mesmo.
    Tô seguindo!
    http://brendainwonderland.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Planejamos, planejamos, planejamos e nada acontece da maneira que prevíamos.
    Mas sabe, é isso que eu amo na vida.
    Os acontecimentos não previstos.
    Minha vida já é um saco com tanto coisa acontecendo que eu não tinha feito planos, imagine se tudo acontecesse conforme o previsto?
    Acho que eu me mataria, é isso que eu acho.
    Porque eu não quero viver em um conto de fadas, eu quero é uma vida que aconteça naturalmente.
    Não quero sair da faculdade e voltar para casa sempre, quero respirar o novo. Fazer coisas voarem por minha mente, e se sobrar um pouquinho de tempo, quem sabe, ser feliz.
    Como sempre amei seu texto.
    Sabe demais Bia!

    ResponderExcluir
  6. Te agradeço desde hoje, que foi onde com um comentário me despertou e me mostrou seu blog.
    E o bom é que todo mundo vai passar por isso, querendo ou não.. ahaha Adorei seu texto, moça!

    ResponderExcluir